quinta-feira, 8 de março de 2012

MULHER SIMPLESMENTE:Lêda Selma

Carrego em mim
tantas marias
e em meu ventre,
sangue, estrelas e fomes.
Se me querem santa,
maçã ou serpente,
se me querem seda,
seios ou lua,
me mostro Maria
de todas as dores,
me torno Maria
de todas as cores,
me faço esfinge
ou mulher simplesmente.

2 comentários:

  1. Respostas
    1. Obrigada, e prazer em receber sua visita. Um domingo venturoso, desejo-lhe. Abraço. Lêda

      Excluir